Jardim Botânico de São Paulo
5 (100%) 2 votos

O Jardim Botânico de São Paulo foi fundado em 1928 a partir de um convite feito ao naturalista brasileiro, Frederico Carlos Hoehne, para que implantasse um projeto de botânica na região da Água Funda (bairro) no estado de São Paulo, antes disso a região servia para abastecimento de aguá do Ipiranga (bairro da cidade de São Paulo).

Nesse mesmo ano foi criado por Frederico o Orquidário de São Paulo, considerado o marco inicial do jardim.

Jardim Botânico de São Paulo

Porém, foi apenas em 1938, com a criação do Departamento de Botânica de São Paulo, que o espaço foi definidamente oficializado.

O jardim botânico de São Paulo tem o objetivo de mostrar o quanto à natureza é importante, e enfatizar cada vez mais o cuidado que devemos ter com a biodiversidade, a partir desse intuito ele abriga inúmeros seres vivos, como por exemplo árvores que estão em risco de extinção e 139 espécies de aves.



Atualmente, o local possui cerca de 360 mil metros quadrados, espaço que abriga 380 espécies diferentes de árvores e animais como os tucanos-de-bico-verde, preguiças e bugios.

No Jardim, se encontram também o Instituto de Botânica e o Museu Botânico de São Paulo, e o parque está também geograficamente implantado no Parque Estadual das Fontes do Ipiranga, popularmente conhecido como Parque do Estado.

O Instituto dispõe de uma biblioteca com cerca de 6.400 livros, inúmeras obras do século XX e um dos maiores acervos botânicos que existem no estado de São Paulo.

Já no Museu Botânico é possível encontrar inúmeras amostras de plantas da flora brasileira, uma coleção de produtos extraídos de plantas (como fibras, óleos, madeiras e sementes), além de quadros e fotos representativos dos diversos ecossistemas do Estado.

No conjunto de atrações do Jardim Botânico de São Paulo destacam-se além do Instituto e do Museu, a Alameda Fernando Costa, o Córrego Pirarungáua, as Escadarias/Jardim de Lineu – inspirados no Jardim Botânico de Upsália, na Suécia – duas estufas consideradas marcas históricas do Jardim Botânico (uma alojando plantas típicas da Mata Atlânticae a outra destinada a exposições temporárias), o Lago das Ninféias, o Jardim dos Sentidos, a Trilha da Nascente do Riacho do Ipiranga e o Portão Histórico de 1894.

Jardim Botânico de São Paulo Visitas

Inspire e motive os estudantes e seu grupo a visitar o Jardim Botânico explorando ao máximo as plantas das coleções, as informações disponíveis, os diversos atrativos e todo o ambiente natural, cuidadosamente mantido para tornar a visita significativa.



As visitas escolares podem abordar uma gama de assuntos relacionados aos conteúdos curriculares de ciências, geografia, história, arte, matemática, português e muito mais.

Os grupos com 10 ou mais participantes devem agendar sua visita via site.

UM professor e/ou acompanhante para cada QUINZE alunos/visitantes.

Todas as escolas agendadas, terão livre acesso aos atrativos do JBSP, onde o professor/acompanhante poderá abordar aspectos botânicos, ecológicos e ambientais pertinentes aos biomas Mata Atlântica e Cerrado; bem como aspectos históricos, econômicos e culturais sobre a exploração dos recursos naturais.

Jardim Botânico de São Paulo Árvores

Nos bosques, alamedas e recantos do Jardim Botânico de São Paulo, o visitante encontra uma grande diversidade de espécies de árvores nativas, como também de outros países do mundo. As árvores que compõem o paisagismo do Jardim cumprem um importante papel na educação e conservação, pois além de servirem como exemplo vivo da flora para centenas de estudantes, também constituem uma amostra da diversidade biológica do planeta.

Para a manutenção dessas árvores, são necessários tratos culturais constantes que envolvem principalmente adubação e procedimentos fitossanitários para prevenção ou eliminação de pragas e doenças. Dentre as plantas do Jardim Botânico, destacam-se as espécies nativas do Estado de São Paulo, além de importantes coleções de palmeiras, espécies ameaçadas de extinção, coníferas e de madeiras nobres e frutíferas.

Jardim Botânico de São Paulo Atividades Educativas

Para aproximar os estudantes com a biodiversidade da Mata Atlântica, proporcionar uma vivência que desperte a curiosidade e estimular a reflexão sobre a importância da conservação do ambiente natural, a equipe educativa do Jardim Botânico de São Paulo disponibiliza duas atividades educativas:

  • Fala sério!! A trilha é na Mata Atlântica
  • Nossos amigos insetos
  • Roteiros do Jardim Botânico

Estão disponibilizados três roteiros para auxiliar professores e público geral a interpretar o Jardim Botânico de São Paulo.

  • Roteiro das Águas
  • Roteiro das Plantas Aquáticas
  • Roteiro das Árvores

Acesse o site para impressão.

Jardim Botânico de São Paulo Fotos

Jardim Botânico de São Paulo Fotos

Horário de Funcionamento Jardim Botânico de São Paulo

  • Terça a domingo das 9h ás 17h

Onde Fica, Endereço e Telefone Jardim Botânico de São Paulo

  • Av. Miguel Estéfno, 3031 – Vila Água Funda – São Paulo – SP
  • Telefone: (11) 5067-6000

Outras informações e site

Mapa de localização