Rua Augusta SP

A Rua Augusta é uma importante via arterial da cidade de São Paulo, ligando os Jardins ao Centro da cidade.

Desde de seu início na Rua Martins Fontes com a Martinho Prado e Praça Franklin Roosevelt até o cruzamento com a Avenida Paulista é uma subida, e a partir deste ponto começa a descer até o seu término na rua Colômbia, que nada mais é que uma continuação da via, com outro nome.

Rua Augusta SP

Atualmente, o trecho que vai do início dela até o cruzamento com a Paulista, que se localiza na Região Central de São Paulo, tendo a presença de boates, saunas e casas de espetáculos, sendo um dos pontos de meretrício na cidade.

Na restante da sua extensão é tomada por bancos, lojas e boutiques de alto nível, teatros, restaurantes de luxo e cinemas, possuindo um aspecto eventualmente considerado mais nobre, sofisticado e até mesmo um shopping center a céu aberto. Destacam-se as travessas: a Alameda Santos, a Rua Oscar Freire e a Estados Unidos.



As primeiras referências dela datam de 1875, chamando-se primeiramente Rua Maria Augusta; em 1897 já aparece como Rua Augusta. Foi parte das terras do português Mariano António Vieira, dono da Chácara do Capão desde 1880, quando abriu várias ruas no Bairro da Bela Sintra, inclusive a Rua da Real Grandeza, atual Avenida Paulista. Resolveu abrir uma trilha, pois os caminhos eram muito íngremes, para posteriormente serem instalados bondes puxados por burros, em 1890. Apenas em 1891, com a inauguração da luz elétrica, foram movidos com eletricidade. Entre 1910 e 1912 ela foi estendida até a Rua Álvaro de Carvalho, ficando oficial em 1927. Até 1942 a Rua Martins Fontes fazia parte da Rua Augusta. Ela aos poucos virou um grande ponto de prostituição, ocasião em que foi desmembrada (Decreto Lei N.º 153). Do lado oposto, em direção aos “Jardins”, o seu prolongamento até a Rua Estados Unidos foi oficializado em 1914. O nome “Augusta”: tudo leva a crer, que o responsável pela sua abertura, o português Mariano Antonio Vieira, não quis homenagear uma pessoa e sim aplicar algo como um título de nobreza (ou adjetivo) ao chamá-la de “Rua Augusta”. Colabora para esta versão o fato de que o mesmo Mariano, ao abrir uma “picada” no alto do Morro do Caaguaçu, chamou este logradouro de “Rua da Real Grandeza”.

Com o tempo, os loteamentos, quando surgiram confortáveis residências e algum comércio para servi-las. Pouco a pouco começaram a surgir pequenos edifícios de moradia.

Grande parte de comércio fino de decoração se instalou na região central-ascendente, a partir da Rua Marquês de Paranaguá. As casas residenciais deram lugar ao comércio de rua. Shoppings e Cinemas de categoria se instalaram frequentados pelas famílias e mais tarde pelos jovens que buscavam distração. Caminho certo rumo aos bairros dos Jardins e seus clubes, como o Club Athletico Paulistano, a Sociedade Harmonia de Tênis e o Esporte Clube Pinheiros.



Rua Augusta SP Bares

  • Augusta 472 Rock Bar
  • Sancho Bar Y Tapas
  • Tatu Bola Bar
  • Bar Da Avareza
  • Caixote Bar

Rua Augusta SP Noite

A agitação de São Paulo não acaba com o cair da noite. Muito pelo contrário. A vida noturna da cidade está entre os maiores atrativos locais. Quando as portas dos escritórios se fecham, o mundo paulistano se abre para as melhores baladas do Brasil. Eleita pela CNN a quarta melhor cidade do mundo para curtir a vida noturna, São Paulo é capaz de agradar a todos. A música é variada, assim como os ambientes.

De rodas de samba a refinados clubes de jazz, passando por casas noturnas que viram a madrugada regadas a música eletrônica, Sampa não decepciona a quem busca diversão além dos museus e restaurantes.

Tradicional ponto da boêmia paulistana, a Vila Madalena é um bom começo para a diversão. O bairro é repleto de bares descolados, boa música e público descontraído. Por lá, a graça é sentar-se para um chopp e, claro, um ótimo papo!

É lugar de olhar para as mesas do lado e, quem sabe, já sair acompanhado para a próxima parada da noite. A variedade de bares é capaz de agradar a todos. Caminhe pelas ruas e encontre o público que mais combina com você. Se quiser uma boa combinação de bebida e música, vá ao Jazz nos Fundos ou ao Pau Brasil (com samba de roda). Para um ambiente inusitado, tente o São Cristovão Bar e se quiser um clássico, sente-se no Filial.

Rua Augusta SP CEP

  • CEP: 01304-001

Rua Augusta SP O que fazer

A Rua Augusta é uma das ruas mais famosas de São Paulo. Imagina um lugar onde é possível achar de tudo um pouco. São galerias de arte, casas noturnas, ótimos restaurantes, teatros, ambiente underground e lojas de roupas.

Ela se estende desde o centro da cidade, cruzando o bairro da consolação, a Avenida Paulista e o bairro dos jardins. A parte chamada Baixo Augusta, o lado que vai para o centro, já teve má fama por causa do grande número de prostíbulos que existiam por lá durante a década de 90 e o fim do milênio.

Hoje em dia essa região é mais underground, com casas noturnas e bares que deram vida nova a região. Seguindo pelo outro lado da Avenida Paulista, você vai encontrar teatros, lojas de roupa, galerias e ótimos restaurantes.

A Rua Augusta é cartão postal da cidade de São Paulo. É um lugar que gostamos bastante e que achamos nossa cara. Lá você vai encontrar roqueiros, clubbers, skatistas, artistas de rua e pessoas usando roupas psicodélicas. A Rua Augusta é uma rua bem democrática.

Mapa de localização



Deixe seu comentário